Avaliação de desempenho: como ser bem avaliado no laboratório?

Muitos técnicos de laboratório temem uma avaliação de desempenho. No entanto, ela é uma das melhores amigas do crescimento da carreira de qualquer funcionário. Ela não apenas ajuda trabalhadores eficientes a ganharem promoções e bonificações, como também é um excelente termômetro sobre nossos pontos fortes e fracos.

Deseja entender tudo sobre a avaliação de desempenho? Continue a leitura e veja como um técnico de laboratório pode ter bons resultados com ela!

O que é uma avaliação de desempenho?

A Avaliação do Desempenho é a avaliação sistemática da performance dos funcionários. Com ela, é possível conhecer as habilidades de um técnico de laboratório, visando o crescimento e o desenvolvimento. Geralmente, a avaliação do desempenho é realizada de forma sistemática e, normalmente, compreende os seguintes fatores:

  • Os supervisores avaliam o salário dos funcionários, os comparam com metas da equipe, da empresa e planos de carreira;

  • O supervisor analisa os fatores que são responsáveis pelo desempenho do trabalho dos colaboradores (seja ele negativo ou positivo). Com isso, é possível verificar quais as razões que geraram o baixo/alto desempenho. Assim, o laboratório minimiza os riscos e busca implementar as melhores práticas;

  • Os gestores podem e devem orientar os funcionários para um melhor desempenho. Isso deve ser feito de forma construtiva, a fim de motivar o time a buscar melhores resultados.

Qual é a importância de ser bem avaliado?

A avaliação de desempenho traz vantagens para todos, tanto para a empresa quanto para o funcionário. Deve-se pensar nela não apenas como um instrumento de medição: ela é amiga da evolução de carreira de quem trabalha no laboratório. Para evidenciar essa afirmação, confira os principais objetivos da avaliação de desempenho:

Promoção

A avaliação de desempenho ajuda os gestores a decidir quem deve receber uma promoção. Quando surge uma vaga em um cargo melhor, os supervisores buscarão os colaboradores eficientes que tiveram melhores resultados para aquela vaga.

Compensação

Bônus, salários mais altos, benefícios, subsídios e promoções sempre tiveram como pré-requisito principal tempo de casa. No entanto, com a avaliação de desempenho, o critério de tempo é substituído por mérito, o que deixa a bonificação mais justa. Ter uma boa performance nesta avaliação é o fundamento básico para conquistar esse mérito.

Treinamento

O procedimento sistemático de avaliação de desempenho ajuda os supervisores a criarem políticas de desenvolvimento e programas de treinamento. Por meio dela, é possível analisar os pontos fortes e fracos dos colaboradores, permitindo a criação de novos postos de trabalho projetados para os funcionários de laboratório eficientes.

Quais são os tipos de avaliação de desempenho?

Existem vários tipos de avaliações de desempenho. Isso é bom pois permite uma maior flexibilidade para encontrar o método correto para cada departamento ou empregado específico da empresa. Veja os principais tipos de avaliação de desempenho:

Avaliação 360º graus

Este método de avaliação solicita que os colegas preencham um questionário detalhando suas experiências com um empregado específico. O feedback dos pares pode ser revisado pelo gerente e considerado durante a avaliação.

Avaliação de desempenho geral

Este método necessita de comunicação contínua entre o gestor e o colaborador durante todo o ano. No final do ano, é determinado se as metas pré-estabelecidas foram cumpridas, fornecendo um feedback detalhado, seguro e possibilitando definir novos objetivos.

Avaliação de desempenho tecnológico/administrativo

Esta avaliação se concentra mais nas habilidades técnicas do que as interpessoais e de trabalho em equipe. Ela é muito útil para os colaboradores especialistas, que são examinados de acordo com suas habilidades específicas, produtividade, certificações, solução de problemas e outras tarefas técnicas.

Autoavaliação

Este tipo é um dos mais temidos pelos funcionários. Por incrível que pareça, quase ninguém aprecia o seu próprio desempenho.

Portanto, ela deve sempre ser comparada com uma avaliação feita pelo gestor. Ela é muito boa para verificar a autopercepção de cada pessoa e assim entender como melhor ajudá-la.

Quais as competências mais valorizadas em um técnico?

Os técnicos são o pilar de um laboratório, já que passam muito tempo dentro desse espaço, trabalhando sozinhos ou em equipe. Eles podem atuar na maioria das áreas, incluindo a forense, de saúde e de medição de qualidade. É de acordo com elas que as tarefas que realizam diariamente variam de um profissional para outro.

Por exemplo, se trabalham em um laboratório clínico, podem analisar fluidos corporais ou tecidos, realizar exames de sangue e examinar células. Se trabalham para um fabricante de alimentos e bebidas, provavelmente terão em sua rotina testes de alimentos e bebidas, para detectar a contaminação ou garantir a qualidade dos produtos. De qualquer maneira, mesmo com tarefas diferentes, as responsabilidades de um técnico de laboratório são comuns a todos.

Responsabilidades típicas de um técnico de laboratório

  • Condução e apoio de investigações e experiências científicas;

  • Planejamento, criação e realização de experiências e ensaios controlados;

  • Registro e análise de dados;

  • Demonstração de procedimentos;

  • Coleta, preparação e/ ou teste de amostras;

  • Manutenção, calibração, limpeza e teste de esterilidade do equipamento;

  • Fornecimento de suporte técnico;

  • Apresentação de resultados aos gestores;

  • Redação de relatórios, resenhas e resumos;

  • Estar constantemente atualizado com os desenvolvimentos científicos e técnicos relevantes;

  • Realizar avaliações de risco;

  • Encomendar e manter estoque e recursos.

Para se sair bem em cada uma de suas responsabilidades, é necessário estar em constante formação. Novos cursos, leituras e certificações são importantes aliados para o técnico de laboratório se manter eficiente e conquistar boa avaliação. Além disso, a tecnologia também está a favor do bom desempenho de tarefas.

Sistema LIMs

Um laboratório que conta com o sistema LIMs implementado apresenta menos erros e retrabalho e maior produtividade. Isso porque o software elimina o trabalho mecânico e repetitivo, possibilitando ao colaborador focar no que realmente é necessário.

Um exemplo é a calibração de instrumentos. Quem é técnico de laboratório sabe o quão ela é fundamental para o bom funcionamento dos testes e procedimentos. Com o LIMs, o risco de os instrumentos estarem descalibrados é quase zerado, já que o próprio sistema realiza esse controle.

Além disso, ter experiência com o sistema LIMs é um grande diferencial no currículo, já que mais empresas necessitam de informatização. Ter experiência no sistema mais utilizado por laboratórios no mundo certamente será um diferencial para contratações e novas oportunidades.

Como podemos perceber, a avaliação de desempenho é amiga de qualquer funcionário do laboratório. É por meio dela que se pode evoluir na carreira, conquistar mais benefícios e eficiência.

Gostou do artigo? Siga a nossa página no Facebook para estar por dentro de todas as novas dicas e se tornar um técnico de laboratório ainda melhor!

Veja também

Interfusão TI

Criando soluções em LIMS e P&D

LEIA TAMBÉM

Empresa do Grupo