Como funciona a calibração RBC Inmetro?

O certificado de calibração é um documento muito importante para vários laboratórios e é fundamental que ele tenha sido feito seguindo os preceitos do Inmetro e por uma empresa responsável e creditada. Os padrões de calibração RBC são reconhecidos nacionalmente e tê-los indica que o seu laboratório é sério, seguro e comprometido com resultados precisos.

No entanto, há ainda muitas dúvidas sobre o que é calibração RBC, como obtê-la, qual a sua importância, etc. Neste artigo vamos elucidar tais dúvidas. Confira.

O que é a calibração RBC?

Em primeiro lugar, precisamos explicar o que é a calibração. A calibração trata-se de um procedimento que deve ser realizado periodicamente pelos laboratórios. Basicamente, ela verifica se os instrumentos do laboratório estão precisos e apresentando os resultados corretos.

RBC é a sigla de Rede Brasileira de Calibração. Ter o certificado de calibração RBC significa que os instrumentos do laboratório seguem os padrões de calibração do Inmetro. Portanto, é um laboratório seguro e que tem padrões rígidos de calibração.

Qual a importância da calibração RBC?

Como dito anteriormente, laboratórios que possuem o selo da RBC são seguros e confiáveis. As empresas que optarem por contratar esses laboratórios têm a segurança de contar com um serviço que segue todas as normas de qualidade e calibração do INMETRO, portanto é comprometida com seus clientes.

Além da confiabilidade, há os ganhos internos em produtividade e precisão. Dados imprecisos podem gerar retrabalho, grandes prejuízos e até mesmo consequências que tragam danos à indústria. Portanto, a calibração de instrumentos é vital para qualquer laboratório. E se ela é acreditada, a organização pode contar com um processo confiável e seguro.

E é possível ainda contar com a tecnologia para garantir que o processo seja seguido a risca, além de simplificar o trabalho e diminuir o tempo despendido com tal atividade. O SampleManager* controla todos os passos dos equipamentos do laboratório, atuando em manutenções preventivas e corretivas; controlando data calibração da última calibração e prevendo as próximas calibrações; alertando para a necessidade de troca de pelas etc. E mais, é possível controlar de forma muito falicitada todos os pontos da RBC, garantindo que o laboratório esteja sempre em conformidade com as normas do INMETRO.

Outro benefício indireto da calibração RBC é que o laboratório fica assegurado com relação a fraudes e erros humanos. Ter um processo racionalizado e que foi aprovado pelo INMETRO fará com que a empresa evite esse tipo de perda. O SampleManager* é um grande aliado do laboratório nesse sentido. Por automatizar várias etapas rotineiras e trabalhos repetitivos, ele previne que ocorram erros humanos, seja por desatenção, cansaço e até mesmo intencionais.

A calibração RBC é obrigatória?

A calibração de instrumentos é crucial para os laboratórios funcionarem bem e fornecerem dados e entregas corretas. No entanto, a calibração RBC só será obrigatória caso o laboratório deseje estar certificado nas normas do Inmetro. Confira para quais certificados a calibração RBC é obrigatória:

  • ISO 9001;
  • ISO 14001;
  • OHSAS 18001;
  • ISO/TS 16949;
  • ISO/IEC 17025;
  • RDC59 ANVISA.

Qual a diferença entre calibração acreditada e RBC?

Quando se trata de padrões de qualidade referentes a calibração de instrumentos, existem dois tipos principais: a calibração acreditada e a calibração rastreada. E muito comum que haja confusão entre ambas. Mas na realidade, elas possuem diferenças fundamentais, portanto, o laboratório deve conhecer bem o que é cada uma delas para escolher a melhor opção.

A calibração acreditada é a calibração RBC. Ela deve ser reconhecida pela CGCRE, que é a Coordenação Geral de acreditação do INMETRO. Ou ainda, pode ser reconhecida por outras entidades de padrões de qualidade internacionais.

Quando um laboratório possui um certificado de calibração RBC, significa que ele segue corretamente todas as normas e padrões de qualidade do INMETRO. E também garante que todo o processo recomendado é seguido. Resumidamente, um laboratório com a calibração RBC é seguro e as empresas podem confiar nos resultados dos instrumentos dele.

Já a calibração rastreada é aquela que não é RBC, mas que segue os padrões da mesma. Ela pode não possuir o certificado, mas garante que os instrumentos foram calibrados por laboratórios acreditados e que possuem a certificação. Ela deve seguir os mesmos padrões de calibração RBC. O nome “calibração rastreada” é devido ao fato dela prescindir de uma rastreabilidade junto à RBC.

Como fazer uma calibração RBC?

Realizar a calibração RBC demanda de diversas etapas a fim de obter o selo de acreditação. Cada instrumento irá demandar processos diferentes, mas basicamente, o processo de acreditação é o seguinte:

  1. solicitar a acreditação junto à CGCRE;
  2. realizar o envio da documentação solicitada pelo CGCRE;
  3. análise da documentação;
  4. avaliação de conformidade de acordo com as normas aplicáveis;
  5. caso algum instrumento apresente não conformidade, ele será apontado no relatório e será solicitada a correção do problema;
  6. após todo o processo ser concluído e não haver mais problemas de conformidade, é emitido um relatório e o laboratório obtém o selo de calibração RBC.

Como visto até agora, a calibração de instrumentos é de crucial importância para qualquer laboratório. E ter a calibração RBC garante segurança para todos os envolvidos. Tanto os clientes que contarão com resultados precisos quanto o próprio laboratório, que evitará prejuízos por instrumentos imprecisos ou ainda fraudes.

E quando é aliada à tecnologia como com o SampleManager*, além de obter um laboratório protegido de erros e falhas, garante que ele esteja de acordo com as principais normas nacionais e internacionais de qualidade. E os ganhos não param por aí! 

Com o SampleManager*, você conseguirá:

  • automatizar a captura de dados;
  • gerar relatórios por eventos;
  • automatizar e programar os testes reduzidos;
  • calibrar e monitorar os instrumentos;
  • rastrear os instrumentos usados em cada teste;
  • monitorar o estado dos reagentes;
  • facilitar a gestão do estoque;
  • atuar na parametrização e no workflow.

Tudo isso, claro, garante um laboratório muito mais seguro, ágil e produtivo, melhorando as suas rotinas internas e ainda oferecendo muito mais qualidade aos seus clientes.

Depois de ler este artigo, você ainda tem alguma dúvida sobre a calibração RBC ou sobre como o SampleManager* pode lhe ajudar? Então deixe um comentário pra gente!

 

*Outro benefício indireto da calibração RBC é que o laboratório fica assegurado com relação a fraudes e erros humanos. Ter um processo racionalizado e que foi aprovado pelo INMETRO fará com que a empresa evite esse tipo de perda. O SampleManager é um grande aliado do laboratório nesse sentido. Por automatizar várias etapas rotineiras e trabalhos repetitivos, ele previne que ocorram erros humanos, seja por desatenção, cansaço e até mesmo intencionais….”

sample manager

 

Veja também

Interfusão TI

Criando soluções em LIMS e P&D

LEIA TAMBÉM

Empresa do Grupo